É mais fácil trocar de emprego do que conseguir aumento de salário com uma promoção

Tempo de leitura: 4 minutos

É isso mesmo, quem tem pressa para ganhar um aumento de salário ou até subir de nível no seu cargo tem maiores chances de conseguir ao trocar de emprego do que esperar uma promoção. Se você tem muito apego à empresa que trabalha, talvez não deva seguir a leitura desse artigo.

Há um grande número de profissionais que acumulou responsabilidades ao longo dos últimos meses (talvez anos) e que o único aumento nesse período foi na quantidade de trabalho. Não é preciso imaginar a insatisfação de quem está nessa situação, ela é quase palpável.

Há muitas pessoas que querem crescer na carreira, querem reconhecimento dos seus talentos e esforços, estão dispostas a assumir desafios maiores, querem aprender mais e até assumir riscos, mas as empresas os deixam meses com promessas sem prazo ou nem isso. Se é o seu caso, talvez seja hora de considerar outras opções.

Um longo caminho para a promoção

Para um profissional ser promovido onde trabalha, existem basicamente dois caminhos: substituir alguém que vaga seu cargo ou a empresa expandir seus negócios, com novas e/ou maiores equipes. Oportunidades como qualquer uma dessas não acontecem todos os dias e esperar seu chefe sair da empresa (ou ele mesmo ser promovido, liberando a cadeira) não garante que você será o escolhido para assumir a posição.

Além disso, empresas médias e grandes podem ter políticas que dificultam que seus bons profissionais sejam reconhecidos e promovidos. Algumas determinam o período mínimo de um ano entre troca de cargos, o que significa que mesmo que você tenha todas as competências necessárias para subir de nível, não necessariamente isso acontecerá por regras internas.

Outro ponto desfavorável: o aumento dado em promoções raramente ultrapassa 20%. Isso significa que quem entrou na empresa com um salário abaixo da média do cargo sempre ficará para trás no fator compensação financeira. E para quebrar essa realidade, a trajetória mais certeira é trocar de emprego.

Trocar de emprego para crescer na carreira

Procurar um novo emprego enquanto está empregado pode parecer cansativo e até arriscado, por não saber como será na próxima empresa. Mas é a situação com as maiores chances de conseguir um emprego melhor! Trocar de emprego é a via expressa de crescimento profissional e é um segredo que pouco se fala.

Um profissional com capacidade de se posicionar no nível que deseja atuar, que sabe demonstrar seu potencial tanto no CV quanto na entrevista, com certeza terá chance de negociar o salário para trocar de empresa. E nesse caso não há limite de 20%. Há também a chance de entrar na empresa com o próximo aumento já determinado, quem sabe até a promoção…

Outro ponto positivo é que as empresas valorizam quem está empregado e toma a iniciativa de assumir a responsabilidade sobre sua insatisfação. (Desempregados tem outra vantagem no mercado, veja qual é e como usá-la a seu favor).

Um pequeno porém…

Como nem tudo são flores, há um impedimento nesse trajeto de via expressa. O recado foi dado no início do texto, mas chegou a hora de tratar com os teimosos: essa estratégia exige a saída da zona de conforto.

Trocar de emprego vai trazer muitas novas oportunidades, mas é preciso entrar em ação para fazer essa mudança acontecer. A decisão de dedicar seu tempo livre para garantir um futuro melhor é somente sua.

A parte positiva de tudo isso é que ninguém precisa sair correndo sozinho para conquistar uma promoção, maior salário e um emprego melhor. O Admirável Emprego Novo tem um método exclusivo que clareia dúvidas e ajuda quem procura emprego em diferentes níveis.

Através de atividades com passo a passo para saber se posicionar como um profissional do nível desejado, os alunos aprendem a mostrar seu potencial e seus diferenciais com as experiências que já tem. Também aprendem a descobrir seu valor de mercado e calcular sua pretensão salarial para poder conquistar o que desejam com segurança e autoconfiança.

Agora, basta pegar a via expressa com um guia ao seu lado.

Leia também:

 

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.